quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Praia Santo Antônio do Diogo, Litoral Norte da Bahia

Você pode conhecer várias praias do Litoral Norte da Bahia, mas a praia de Santo Antônio na Vila do Diogo é uma das menos visitadas. Que continue assim, por um bom tempo... E o mais interessante é que a rústica praia do Diogo tem como vizinha a praia de Sauípe, onde fica o badalado Resort Costa do Sauípe.

As jangadas na Praia do Santo Antônio


Agora vamos lá, pé na estrada! E para o Litoral Norte o ponto de partida é o Aeroporto de Salvador. No entanto, final de semana e feriado a saída da cidade fica assim: congestionada.

Início da BA-099 ou Estrada do Côco em frente ao Aeroporto
São 73km (mais ou menos 1h) até o povoado do Diogo, por uma estrada bem conservada, sinalizada e pedagiada.

Valores do pedágio em Dezembro de 2014
Na beira da estrada paramos no mirante de Imbassaí que é simples e sem graça, mas que proporciona uma  vista panorâmica do litoral.

Vista do mirante de Imbassaí
Aviso aos navegantes: Diogo ou Vila Santo Antônio do Diogo não está no Google Maps, assim não adianta GPS. Então, preste atenção às placas de sinalização. Depois de Imbassaí, calcule 5km e verás uma placa  de madeira na vertical com a palavra Diogo. A entrada é asfaltada e uma parte do trajeto é de pedras, depois passamos um pequeno trecho de barro e chegamos na ponte que dá acesso ás dunas.


Entrada do Diogo, ao fundo a mangueira do restaurante

Estacionamento e a ponte que dá acesso às dunas

Como éramos as primeiras a chegar na área, ficamos um pouco com medo quando no final da ponte avistamos 3 rapazes sentados conversando. Esperamos alguém aparecer e daí seguimos com mais 4 mulheres. Atravessamos as dunas com areias branquinhas e o sol ainda não estava tão forte.

Primeiro: atravessamos a ponte sobre o rio Imbassaí

Segundo: andamos pelas dunas

Terceiro: seguimos o caminho já tracejado
 Avistamos os coqueiros e ficamos mais ansiosas em ver a praia e enfim, thanran!:


Agora é só desfrutar deste pedacinho de Paraíso

Você pode se perguntar: e se eu me perder neste areal? Bem, não dá pra se perder por que o caminho já é tracejado e há sempre alguém transitando no local.

Como era uma segunda feira, um feriado, encontramos uma barraca fechada e ali armamos nosso acampamento com nossas cangas, lanches e sacolas. Outras pessoas fizeram o mesmo. Deixamos nossas coisas arrumadinhas e partimos para o reconhecimento do território. Andamos de Santo Antônio até a praia de Sauípe pela areia sentido norte. Foi então, que avistamos uns sombreiros e ficamos curiosas em saber o que era, caminhamos uns 20 minutos e alcançamos o resort Costa de Sauípe.

No trajeto, há poucas barracas e todas são de madeira com banheiro e chuveiro.





Aproveitamos para bisbilhotar o Complexo Sauípe. 



A praia em frente ao Costa de Sauípe não é aqueeela praia, mas há uma grande faixa de areia e formação de piscinas naturais. Ótimo para crianças. 


Engraçado que a nossa dúvida era usar o feriado para conhecer Santo Antônio do Diogo ou pagar R$200 pelo day use do Costa do Sauípe. Um dia, quem sabe, visito o complexo... Ah! E sugiro a quem se hospeda no complexo, conhecer a praia de Santo Antônio.

É importante frisar que não pedimos a ninguém para tomar conta dos nossos pertences. E quando voltamos estava tudo do jeito que deixamos. 

Tomamos um banho de mar prolongado e a fome bateu. Mas a programação era almoçar depois das 13:30h no Sombra da Mangueira. Assim, sentamos numa barraca e pedimos uma porção de pititinga.


Os preços nas barracas são razoáveis. As muquecas variam de R$40 -60 para até 3 pessoas. Petiscos de R$18- 25. Cerveja de R$7- 10. Pagamento só em dinheiro.

A volta é cansativa pois a vontade é ficar na praia mesmo...rsrs. Enfrentamos as dunas embaixo de sol forte e pegamos o carro em direção ao restaurante Sombra da Mangueira. Sobre ele já falei neste post.


Haja fôlego!

Mas a rusticidade e a tranquilidade da praia de Santo Antônio compensa tamanho esforço. Um dos lugares que ainda mantêm a simplicidade e o encanto da Bahia.


Praia de Santo Antônio, sinônimo de rusticidade

Dicas:
- se você quiser ir de carro 4x4 até a praia, não entre no Diogo. Siga mais 2km pela Ba 099 e entre pelo acesso em estrada de terra sinalizado: Vila Santo Antônio do Diogo.
- se for com crianças, cuidado com a proteção solar e considere que a caminhada pelas dunas leva uns 20 minutos e pode ser muito cansativa.
- se for levar peso como caixa térmica, lembre se da caminhada pelas dunas...
- se você já conhece o restaurante Sombra da Mangueira, usufrua mais da praia. Os preços nas barracas são razoáveis.
- leve lanche, bebidas e água. Curta muito gastando pouco.
- vá cedo. Saia de Salvador no máximo 8h.
- e se você voltar do litoral no final do feriado se prepare para o congestionamento.
- e se você não tem carro, convide um amigo que goste de aventura. Divida a gasolina, pague o pedágio, a diversão tá garantida!

Gostou do passeio? Dê sua sugestão e compartilhe este post com um amigo.

13 comentários :

  1. Gostei muito Vaneza, tava muito a fim de ir mas um pouco insegura. Eu vi no filme Os homens são de Marte e é pra lá que eu vou...e pensei...é uma vergonha eu baiana não conhecer! Rs . Valeu as dicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Raquel,

      Vale a pena conhecer esse lugar tranquilo e rústico do Litoral Norte, com os amigos e família.
      Agradeço sua visita.

      Abraços!

      Excluir
  2. Olá Vaneza,sou nativa da Vila Diogo fiquei muito feliz com seu sua postagem!!
    Obrigada e volte sempre!
    Abraços
    Graciele Lima
    gracyelle1993@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Graciele!
      Eu que fico feliz e honrada com seu comentario.
      E como não amar a Praia do Diogo!?
      Me encantou pelo simplicidade e tranquilidade.

      Abraços!

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Eu já fui por essa entrada dos 4x4. Apesar de ter um 4x4, meus amigos não tinham e passaram normalmente. Aliás, somente um atolou na areia...rsrsrs
    A praia é bem deserta mesmo. E vale num domingo de praias lotadas em SSA.
    Boa dica!

    Marcus

    ResponderExcluir
  5. Vou tentar este caminho para carros e espero não atolar...rsrs.

    ResponderExcluir
  6. oi boa tarde,me chamo andré e sou de salvador,o estacionamento é vigiado não é perigoso deixar o carro ou moto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá André!

      Quando nós fomos fizemos o seguinte: estacionamos na frente duma casa, quase na beira do rio. Não havia nenhum carro e não vimos ninguém nem para perguntar se poderíamos deixar o carro ali. Quando voltamos, havia uns 2,3 carros(na beira do rio) e a cerca da casa tava fechada. Abrimos e saímos com o carro e ninguém nos cobrou nada nem falou nada. Tem um restaurante que fica na beira do rio, mas estava fechado e acredito que aos finais de semana tenha um movimento maior. Não nos sentimos inseguras em deixar o carro lá, mas pergunte algum morador e verifique o ambiente.

      Agradeço a visita e o comentário e desejo um bom passeio!

      Excluir
  7. Ola Vaneza, sei que este post é de 2015, foi o mais atual que achei. Olha estava querendo conhecer a praia do diogo dia der semana , ou melhor amanha terça feira, véspera de feriado. Será que é perigoso?


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Regina,

      Peço desculpa por não ter respondido sua pergunta antes.
      Por ser uma paria pouco frequentada, eu iria em feriados ou aos finais de semana.
      Se tiver homens no grupo aí td bem, você pode ir em qualquer dia.
      Digo isto por uma questão de prevenção.

      Abraços!

      Excluir
  8. Tenho uma casa no Diogo e gracas a Deus nunca sofri assalto. Que assim continue muito tranquilo e ainda seguro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza! é muito triste ver a violência tomar conta de lugares tão lindos como este ... espero em breve retornar a Diogo e curtir esta praia linda.

      Obg pela visita e comentário!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...