sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Punta Arenas: o que vi em um dia

Punta Arenas não tem nada para se ver ou fazer. É o que quase todo mundo diz. Pior, quando você chega, assim como eu, no dia 01/01/2015. Feriado de Ano Novo. Comércio todo fechado. Punta Arenas parecia uma cidade fantasma. Nas ruas, apenas turistas procurando um lugar para uma refeição. De fato, esta é uma cidade de passagem ou ponto de apoio para quem vai de ônibus a Torres del Paine e Puerto Natales, ou vai pegar um cruzeiro até Puerto Williams (perto de Ushuaia), ou vai seguir de ônibus para Ushuaia, ou está embarcado em um dos navios de Marinha que vão para Antártica. E o que eu fui fazer em Punta Arenas?

Chegando em Punta Arenas, capital da Região de Magalhães.


Cheguei Aeroporto Carlos Ibáñez del Campo por volta das 13h e fui direto para o Hostal Torres del Paine. Peguei uma van que faz o transfer do aero até o centro da cidade pelo valor de 3 mil pesos por pessoa. O motorista passa um caderninho e cada um escreve o nome do hotel para que ele faça o roteiro.

Transfer do aeroporto até o Centro

Queria descansar, ter um dia ou parte dele livre, sem nada para fazer. Assim, não coloquei a cara na rua neste dia da chegada, sair apenas no dia seguinte. Mas, por que eu reservei um dia e meio para uma cidade que todo mundo diz que não tem nada?

Um telefone público muito elegante 
na Rua Hernando de Magallanes.
Bem, já havia passado por Santiago e Puerto Varas e o objetivo era chegar em Ushuaia. De Puerto Varas, saindo do aeroporto de Puerto Montt, fui de avião até Punta Arenas e daqui iria de ônibus (passagem já comprada) até Ushuaia. Então, se alguma coisa saísse errada nos dias anteriores (atraso de vôo ou cancelamento) eu teria um dia para seguir até Ushuaia de ônibus.

Chochos silvestres, flor muito comum em Punta Arenas.
Bom, perguntei para dona do hostel, Dona Carmem, o que tinha para se ver em Punta Arenas. Ela me indicou os seguintes pontos turísticos:
  • Cemitério
  • Pinguinera
  • Zona Portuária
  • Plaza de Armas
  • Mirador Cerro la Cruz
  • Palácio Braun Menendez
  • Museu Salesiano Maggiorino Borgatello
  • passeio de barco até Povernir, um povoado chileno na Ilha Grande Terra do Fogo.

Vamos ver o que deu para fazer em um dia?

Plaza de Armas

Esta praça recebe outro nome também, Plaza Muñoz Gamero e por ela você vai passar várias vezes. É a principal e muito bonita. Possui árvores enormes como ciprés, piño, cedro, coihue e outras, que sombream grande parte dela e proporcionam um descanso revigorante após uma caminhada pela cidade. Ao redor dela encontramos vários edifícios de beleza arquitetônica e histórica para esta cidade e a região de Magalhães
.


Plaza de Armas e as árvores ciprés .

Estátua de Fernão de Magalhães, navegador português. O primeiro a empreender a circunavegação e a chegar a Terra do Fogo e a travessar o estreito que leva seu nome.

Rua Carlos Bories, Casa do Governo (prédio cinza a direita) e a Catedral Coração Sagrado logo atrás.

Palácio Montes Pello, residência de um dos homens mais
 ricos de Punta Arenas que chegou em 1874 aos 19 anos.
Arquitetura neoclássica italiana desenhada por Miguel Bonifetti.
Mirador Cerro la Cruz

Deste ponto temos uma vista panorâmica da cidade. O local estava em reforma quando visitei e acredito que ficará bem legal.

Uma pitada de cor na cidade austral do Chile.

Vista para o Muelle Prat.
Palácio Braun Menendez

Este prédio é patrimônio arquitetônico da Patagônia e foi construído entre 1903 e 1906 e projetado pelo arquiteto francês Antoine Beaulier. Neste Palácio viveu a família Braun Menendez e conhecer sua história é compreender o povoamento e o desenvolvimento econômico da região da Patagônia chilena.

Palácio Braun Menendes, Museu Regional de Magalhães.
A família Braun Menendez é fruto da união das duas famílias mais poderosas da Patagônia, a Mauricio Braun Hamburger y José Menéndez Menéndez. Mauricio era descendente de russos e judeus e possuía muitas terras na Patagônia chilena e argentina. Foi sócio de uma empresa que explorava a criação de ovelhas na região e de uma outra que pescava baleias. A família Menendez competia com a família Braun pelo controle de terras e a rivalidade acaba quando Mauricio Braun se casa com Josefina Menendez, filha de José Menéndez Menéndez.


Conforto e luxo da elite européia em Punta Arenas
Este Palácio representa a época de ouro da Patagônia ( 1880-1920) quando esta família acumulou tanta fortuna que controlava cerca de 80% do território da Região de Magalhães, para isso expulsou e matou milhares de grupos indígenas como aonikenk e os kawèskar. Sua principal atividade era a criação de ovelhas, além da exploração do comércio, transporte marítimo e extração de carbono. Esta família contribuiu para o desenvolvimento econômico e urbano de Punta Arenas e a senhora Sara Braun atuou intensivamente na parte social da cidade.

Cozinha localizada no sótão do Palácio. 
Um avanço para aquele tempo.
O museu possui três espaços: sala de época, com os móveis antigos e que retratam o estilo de vida e posição econômica que ocupava aquela família na sociedade; sala de exibição histórica, com objetos e documentos que explicam o povoamento do território austral e a sala de exibições temporárias. Abaixo valores, horários e dias de visitação:


Zona Portuária

Descendo para a orla de Punta Arenas chegamos a zona portuária. Temos uma vista panorâmica do Estreito de Magalhães e avistamos os vários navios de cruzeiros, marinha e cargas que aportam na cidade. Há também o belo Monumento Tripulantes Goleta Ancud, inaugurado em Janeiro de 2014.

Embarcações no Muelle Arturo Prat

Monumento Tripulantes Goleta Ancud
A embarcação foi construída em 1842 em Ancud, norte da Ilha de Chiloé, no Chile e enviada com 23 tripulantes para tomar posse efetiva do Estreito de Magalhães durante o governo de Manuel Bulnes Prieto.

O ponto negativo é o mau cheiro na área por causa do esgoto e animais mortos na areia.

Cemitério Sara Braun

O cemitério de Punta Arenas é um dos pontos turísticos mais visitado da cidade devido a sua história e arquitetura e também por sua limpeza. Extremamente bem cuidado. Foi fundado em 1894 e possui mausoléus de grandes personagens da história de Punta Arenas como, Thomas Fenton, família Menendez e a mais ilustre, Sara Braun, a única que entrou pelo porta principal do cemitério.

Sepultura Jose Nogueira- homenagem de Sara Braun
 a seu esposo falecido em 1893 em Arequipa.

Mausoléu Sara Braun em estilo arabesco datado de 1916.

Mausoléu da família Blanchard, imigrante europeu
 com representação francesa de vice-cônsul em Punta Arenas.

História e arquitetura em um dos
pontos turístico mais famoso de Punta Arenas.
Pesquisando na internet sobre um tour ao cemitério Sara Braun encontrei este post muito bem detalhado e que recomendo para quem tiver interesse em conhecer mais sobre este local: Cemitério ou atração turística? leia aqui.

Mercado Municipal
Atração imperdível! Pode anotar aí, rsrs. Quer conhecer a gastronomia de uma cidade, pergunte onde fica o mercado municipal. E o de Punta Arenas fica em frente ao Muelle Prat, não tem erro, na avenida Costanera. Possui vários restaurantes (cocinerías), lojas de artesanato e venda de pescados.

Há vários restaurantes com vista para o mar e preços variados.


Empanada frita de centolla por 1500mil pesos.


Pisco calafate (2500 pesos), um fruto muito comum
na Patagônia e é a base deste cocktail.


A famosa merluza por 6mil pesos.


Um delicioso peixe congrio por 5500 pesos.


A famosa e caríssima centolla. 
A unidade custa 14mil pesos no Chile, cerca de R$70.
Infelizmente, não lembro o nome do restaurante em que almoçamos, porém ele fica no 1º andar e é o segundo da esquerda para direita olhando em uma das fotos acima. Ah, e tem vista para o mar.

Um local que é muito frequentado, mas eu não conheci, pois tinha acabado de almoçar e o local estava lotado, é o Kiosko Roca que fica na Rua Roca, 875 e foi eleito a Melhor Picada ( o melhor local) de Chile por causa do leite de banana e o choripan.


O Kiosko Roca fica lotado.


     Leite com choripan                         Foto: TripAdvisor
Depois que escrevi este post, acredito que Punta Arenas merece uma visita de um dia.

Curiosidades sobre Punta Arenas:
  1. a cidade foi fundada em 1848 e já foi uma colônia prisional;
  2. é uma comuna e capital da Região Magalhães e Antártica Chilena, ou seja, possui território antártico;
  3. um percentual considerável da população é de origem croata;
  4. antes da abertura do Canal do Panamá foi o principal porto de comunicação entre o Oceano Atlântico e Pacífico;
  5. os ventos em Punta Arenas são fortíssimos chegando a 160 km/h(casos raros). Assim, veremos ruas sempre limpas. Diante disso, perguntei a dona do hostel se ela já havia perdido roupas ao estendê-las no varal. E ela me mostrou o tamanho do pregador que utiliza:

Olha o tamanho do pregador que resiste aos fortes
 ventos em Punta Arenas..rsrsrs.
Outros relatos desta viagem ao Chile:

  1. De Salvador até Santiago do Chile- como é o vôo? 
  2. Chile: o que vi em Santiago 
  3. Chile: qual a melhor operadora de telefonia?  
  4. Um típica feira no Chile: La Florida 
  5. Chile: de Curicó até Iloca e mais, Lago Vichuquén 
  6. Chile: visita à Concha y Toro 
  7. De Santiago até Puerto Varas de ônibus 
  8. Chile: o que vi em Puerto Varas 
  9. Puerto Varas: 30km de bicicleta até Frutillar 
  10. Puerto Varas: Museu de Pablo Fierro  
  11. Puerto Varas: almoçar em Puerto Montt 
O Blog Vaneza com Z não tem nenhuma parceria com as empresas citadas no texto.

2 comentários :

  1. Vanesa ola! Talvez VC possa me ajudar..tem onde comprar coisas p/entrar no TDP em 30,31 dez ou 1 jan...ou eh inviável??grata!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      No Centro dacidade mesmo, dias 30 e 31 de dezembro vc pode encontrar, mas dia 1º acredito ser impossível!
      No entanto vi o site do Welcome Chile em que diz que o dut free ( um pouco mais afastado do Centro) abre tds os dias do ano.
      Deh uma olhada neste link e pesquise sobre o dut free: https://www.welcomechile.com/puntaarenas/punta-arenas-tax-free-zone.html

      Obrigada pela visita espero ter ajudado, boa viagem!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...